Acabe com os criadouros do Aedes aegypti em menos de 15 minutos

Tampar e lavar reservatórios de água são ações importantes para combater o mosquito transmissor da dengue, febre chikungunya e zika vírus. Repelente é outro cuidado que precisamos tomar para prevenir a picada do mosquito (Foto: Divulgação) O Aedes aegypti, mosquito transmissor da dengue, febre chikungunya e do zika vírus, vive perto do homem, possui hábitos diurnos e se alimenta de sangue humano, sobretudo ao amanhecer e entardecer. Para combater esse mosquitinho, além de conhecer bem esses costumes, é extremamente necessário eliminar os seus criadouros. Em menos de 15 minutos é possível fazer uma varredura em casa e acabar com os recipientes com água parada, ambiente propício para a procriação do mosquito. Tampar e lavar reservatórios de água são ações importantes para o combate ao Aedes aegypti. A limpeza deve ser periódica com água, bucha e sabão. Ao acabar a água do reservatório, é necessário fazer uma nova lavagem nos recipientes e guardá-los de cabeça para baixo. Esse cuidado é essencial, porque os ovos do mosquito podem viver mais de um ano no ambiente seco. Quando o foco do mosquito é detectado e não pode ser eliminado pelos moradores, como em terrenos baldios ou lixo acumulado na rua, a Secretaria Municipal de Saúde deve ser acionada para remover os possíveis criadouros. Por isso, a sociedade deve trabalhar em conjunto com os órgãos públicos para a eliminação dos focos do mosquito. Como eliminar  os focos Confira alguns cuidados básicos, recomendados pelo Ministério da Saúde, que são extremamente necessários no combate à dengue: - Tampe os tonéis e caixa d’água; - Mantenha as calhas sempre limpas; - Deixe garrafas sempre viradas com a boca para baixo; - Mantenha lixeiras bem tampadas; - Deixe ralos limpos e com aplicação de tela; - Limpe semanalmente ou preencha pratos de vasos de plantas com areia; - Limpe com escova ou bucha os potes de água para animais; - Retire água acumulada na área de serviço, atrás da máquina de lavar roupa. Importância do repelente Mesmo seguindo todas as orientações acima, nada garante que o seu vizinho tenha a mesma preocupação que você. Por isso, precisamos tomar outro cuidado para prevenir a picada do mosquito: o uso de repelente. No Brasil, a Universal Chemical é pioneira na formulação dos repelentes com Icaridina e hoje é responsável pelo fullREPEL®, considerado o mais potente e mais seguro repelente de insetos do mercado, com até 10 horas de proteção.

Acabe com os criadouros do Aedes aegypti em menos de 15 minutos

Tampar e lavar reservatórios de água são ações importantes para combater o mosquito transmissor da dengue, febre chikungunya e zika vírus. Repelente é outro cuidado que precisamos tomar para prevenir a picada do mosquito (Foto: Divulgação) O Aedes aegypti, mosquito transmissor da dengue, febre chikungunya e do zika vírus, vive perto do homem, possui hábitos diurnos e se alimenta de sangue humano, sobretudo ao amanhecer e entardecer. Para combater esse mosquitinho, além de conhecer bem esses costumes, é extremamente necessário eliminar os seus criadouros. Em menos de 15 minutos é possível fazer uma varredura em casa e acabar com os recipientes com água parada, ambiente propício para a procriação do mosquito. Tampar e lavar reservatórios de água são ações importantes para o combate ao Aedes aegypti. A limpeza deve ser periódica com água, bucha e sabão. Ao acabar a água do reservatório, é necessário fazer uma nova lavagem nos recipientes e guardá-los de cabeça para baixo. Esse cuidado é essencial, porque os ovos do mosquito podem viver mais de um ano no ambiente seco. Quando o foco do mosquito é detectado e não pode ser eliminado pelos moradores, como em terrenos baldios ou lixo acumulado na rua, a Secretaria Municipal de Saúde deve ser acionada para remover os possíveis criadouros. Por isso, a sociedade deve trabalhar em conjunto com os órgãos públicos para a eliminação dos focos do mosquito. Como eliminar  os focos Confira alguns cuidados básicos, recomendados pelo Ministério da Saúde, que são extremamente necessários no combate à dengue: - Tampe os tonéis e caixa d’água; - Mantenha as calhas sempre limpas; - Deixe garrafas sempre viradas com a boca para baixo; - Mantenha lixeiras bem tampadas; - Deixe ralos limpos e com aplicação de tela; - Limpe semanalmente ou preencha pratos de vasos de plantas com areia; - Limpe com escova ou bucha os potes de água para animais; - Retire água acumulada na área de serviço, atrás da máquina de lavar roupa. Importância do repelente Mesmo seguindo todas as orientações acima, nada garante que o seu vizinho tenha a mesma preocupação que você. Por isso, precisamos tomar outro cuidado para prevenir a picada do mosquito: o uso de repelente. No Brasil, a Universal Chemical é pioneira na formulação dos repelentes com Icaridina e hoje é responsável pelo fullREPEL®, considerado o mais potente e mais seguro repelente de insetos do mercado, com até 10 horas de proteção.